Capa

Capa

sábado, 1 de dezembro de 2012

Bolsistas do governo no exterior vão ganhar cartão de crédito, diz ministro


Em dezembro, governo dará cartões a alunos do Ciência sem Fronteiras. 
Dois meses de atraso no pagamento deixou jovens sem dinheiro na Europa.
O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, afirmou nesta sexta-feira (30) que os estudantes bolsistas do programa Ciência sem Fronteiras receberão um cartão de crédito do Banco do Brasil para o pagamento das despesas referente à bolsa do intercâmbio. De acordo com Mercadante, os cartões deverão começar a ser distribuídos em dezembro. "Queremos que cada aluno tenha um cartão de crédito, e não mais seja feito o pagamento dessa forma exatamente para impedir isso", disse o ministro.
Em evento com empresários na Confederação Nacional da Indústria (CNI), em São Paulo, Mercadante afirmou que o governo solicitou a mudança da metodologia ao banco para evitar o atraso no depósito das bolsas. "A partir de dezembro devemos ter esse instrumento para superar essas dificuldades", disse.
Segundo ele, os bolsistas que já estão no país do intercâmbio receberão o cartão, seja nas agências do Banco do Brasil na cidade em vivem ou pelo correio, e os que viajarão em 2013 já embarcarão no Brasil portando o documento. "Elimina o risco [de atraso no recebimento do dinheiro], se você tem um cartão de crédito", explicou Mercadante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário