Capa

Capa

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

No coletivo, Renato irrita o próprio time: ‘Ô bicho fominha’


Treinador tenta lances elaborados e faz com que os jogadores reclamem

Renato Gaucho GrêmioRenato Gaucho gesticula no treino do Grêmio
(Foto: Thiago Fernandes / Globoesporte.com)
Usado como sinônimo de rachão, o termo recreativo jamais poderia ser usado para definir um treinamento do Grêmio. No Tricolor, a tradicional atividade pré-jogo é disputada com muita vontade e seriedade de ambos os lados. E coitado de quem não estiver rendendo. Vai ouvir bronca. Mesmo que esse alguém seja o próprio técnico da equipe.
Não importa a hierarquia, nem o passado de título e glórias. Quer disputar o rachão, tem que jogar direito. Renato tentou fazer uma jogada mais técnica e errou o passe. Bastou para o meia Douglas ordenar:
- Faz o simples. Em vez de bater de trivela com a esquerda, passa com a direita.
Logo em seguida, o próprio Douglas cruzou da direita. André Lima tentou dominar a bola, mas se enrolou com Renato Gaúcho que “se intrometeu” na jogada, para desespero do atacante.
- “Ô bicho fominha, meu Deus” – esbravejou.
Mas nem tudo foram reclamações. Em uma jogada, Renato deu um lençol em Vilson, que ficou perdido no meio-campo.
- Ele tem categoria, mas acaba exagerando. Mas, de vez em quando, marca uns golzinhos. Deixa ele no time - brincou Douglas, após a atividade.
O Grêmio treinou nesta quarta-feira em General Severiano, sede do Botafogo. Na quinta, o time encara o Fluminense, no Engenhão. O jogo tem início às 21h (horário de Brasília).

Nenhum comentário:

Postar um comentário