Capa

Capa

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Argentina vela na Casa Rosada corpo do ex-presidente Néstor Kirchner


Fila para homenagear marido da presidente Cristina alcançava 2 km.
Ele morreu repentinamente, na véspera, de ataque cardíaco.

O velório do ex-presidente da Argentina Néstor Kirchner, que morreu na quarta-feira (27) aos 60 anos de idade após uma parada cardíaca, começou pouco depois das 10h locais desta quinta (11h pelo horário brasileiro de verão), na Casa Rosada, sede do governo argentino.
Uma multidão aguardava do lado de fora do prédio para visitar o corpo do marido da presidente Cristina Fernández de Kirchner. A fila de populares para a visitação, que se estendia por várias ruas próximas, tinha cerca de dois quilômetros
Durante a madrugada, argentinos fizeram vigília na Praça de Maio, em frente à Casa Rosada, em homenagem a Kirchner.
Fila para velar Néstor Kirchner estende-se por rua próximo à Praça de Maio no fim da manhã desta quinta-feira (28).Fila para velar Néstor Kirchner estende-se por rua próximo à Praça de Maio no fim da manhã desta quinta-feira (28). (Foto: André Luís Nery/G1)
Ele foi comparado a Juan Domingo Perón e apontado como grande líder político do país sul-americano nas últimas décadas por algumas pessoas ouvidas pelo G1 antes do velório.
O corpo do ex-mandatário argentino chegou a Buenos Aires à 1h50 local (2h50 de Brasília) em um avião no qual viajou também a presidente Cristina Kirchner e o filho mais velho do casal, Máximo.
Após o velório na capital, o enterro acontecerá em Río Gallegos, em sua província natal, Santa Cruz (sul do país).
Os presidentes da Bolívia, Evo Morales, do Equador, Rafael Correa, e do Uruguai, José Mujica, já estão em Buenos Aires para participar do funeral. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva cancelar a participação no comício de encerramento da campanha da candidata à Presidência, Dilma Rousseff, no Recife (PE), para comparecer ao velório do ex-presidente da Argentina.
Argentinos concentram-se em frente à Casa Rosada na manhã desta quinta-feira (28), à espera do início do velório.Argentinos concentram-se em frente à Casa Rosada na manhã desta quinta-feira (28), à espera do início do velório. (Foto: André Luís Nery/G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário