sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Após o debate da TV Globo, Marina fala em tom de derrota


Marina observa o cumprimento de Dilma a Serra: último debate presidencial - (Vanderlei Almeida/AFP Photo)
Marina observa o cumprimento de Dilma a Serra: último debate presidencial
Rio de Janeiro – Era 1h10 da madrugada quando a candidata do PV à presidência da República, Marina Silva, entrou na área de imprensa do debate da TV Globo para conceder entrevista. Sem citar nomes, ela criticou seus dois principais adversários, mas praticamente assumiu a derrota.

"Sei que existem aqueles que até podem ir para o segundo turno. Aqueles que vão ganhar perdendo porque fizeram alianças incoerentes e inconsistentes. E aqueles que vão perder perdendo porque fizeram um festival de promessas que não se sustentam", afirmou Marina, referindo-se a Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB), respectivamente. "Se eu perder, perco ganhando", completou, repetindo bordão usado por Eduardo Brandão nos debates ao governo do DF.

A candidata verde admitiu conquistas do atual governo, mas atacou a forma petista de governar: "Avançamos na economia e nas questões sociais, mas a política está atrasada".

José Serra, do PSDB, mostrou confiança no segundo turno. Perguntado sobre a estratégia no caso de chegar a essa etapa, foi lacônico: "É fazer campanha, como temos feito até aqui".

Nenhum comentário:

Postar um comentário